Loggi estende home office até dezembro e cria vagas 100% remotas; por quê?

A operadora tecnológica de logística Loggi acaba de anunciar aos funcionários que o home office para os funcionários administrativos vai ser estendido até o final deste ano.

A Loggi tem poucos mais de 2 mil funcionários, dos quais 44% estão trabalhando remotamente desde que a pandemia do novo coronavírus mostrou os dentes no Brasil, em março. O home office duraria até junho deste ano, mas, com as incertezas sobre o ritmo da vacinação e a falta de perspectiva de arrefecimento do surto de covid-19 no país, a empresa decidiu adiar o retorno ao escritório.

“Precisamos dar previsibilidade para os colaboradores. Muita gente saiu de São Paulo, devolveu o apartamento… Quem tem filho não pode ter que mudar a vida toda novamente em setembro, por exemplo”, diz Monica Duarte, diretora de gestão de pessoas da Loggi. “Além disso, mantendo em casa quem puder, evitamos a circulação desnecessária de pessoas e fazemos a nossa parte para mitigar a pandemia.”

Continue lendo

Recomendados

Desenvolvido porInvesting.com
Negócios, Todos

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu